quarta-feira, 14 de março de 2007

Jogo Rápido



Eu adoro essa vida de mulher moderna, independente, bem resolvida e o blábláblá todo que isso proporciona. Mas, cansa. Acordar antes das 6h da matina, ir pro aeroporto, pegar avião pro Rio, enfrentar mais tempo de trânsito do aeroporto até o centro do que o tempo de vôo, sair correndo do táxi na Presidente Vargas e entrar no elevador do hotel, já atrasada pra uma reunião que começou meia hora atrás. Ouvir muito, falar mais ainda, se estressar, ligar pra uma amiga na hora do intervalo pra espairecer e saber que o escritório ta pegando fogo de tantas mudanças. Sair pra almoçar com outra amiga que não via há tempos, voltar pra reunião, mais blábláblá, sair agitada pra ir embora, lembrar de comprar presente pra sobrinha que faz aniversario na livraria da esquina, me digladiar pra pegar um táxi no centro do Rio, chegar no aeroporto e descobrir que o vôo tá atrasado, olhar pro lado já esgotada e dar de cara com o Skank no Bob’s do aeroporto, convencer sua colega de trabalho que não vale a pena pedir autógrafo pro Samuel pq nem todo talento do mundo impediu que ele tivesse aquele corte de cabelo horrível. Comprar guias de viagem pra matar o tempo e vc mesma de cansaço, entrar no avião atrasado e com o ar condicionado quebrado, pegar o carro no estacionamento do aeroporto e finalmente chegar em casa e receber do seu porteiro as contas. Afff, to morta. Mas, não saberia viver diferente. Volto com um post mais interessante da próxima vez. Amanhã é dia de aula de tênis e tenho que me recuperar pra incorporar Roger Federer. Bjs aos navegantes e até a próxima.

7 comentários:

saco preto disse...

amiga.. temos uma vida parecida.. e te confesso uma coisa.. realmente cansa.. mas como muita coisa na vida cansa..mas essa é a vida que agente escolheu e é assim que somos felizes e realizadas.. mesmo cansando, se estressando, e ficando tristes as vezes.. coisas normais da vida!
Amei o comentario do Samuel.. tadinho.. mas ele é mineiro..agente tem que entedner.. kkkkkkk

Terapia Coletiva disse...

Hahaha, mto bom. Ele so' deve entender mesmo de queijo.

Anônimo disse...

Como a sua vida pode ser tão stressante. Não compreendo.
Acordar as 6 da manhã para chegar a estação de trabalho as 7h, tomar um delicioso café da maquina, bater um papo com os colegas de trabalho, em seguida vai a odepartamente de saneamento básico para escovar os dentes, isso, para qndo for as 9, ligar o computador para ler os jornais(local e nacional). Ao termino da leitura, observa-se que são 11:30, hora do almoço. Não compreendo tanto stress.

Anônimo disse...

E nas viajens, como é bom pegar o metrô as 8:30 da manhã para uma reunião q começará, exatamente, as 8:30.

Terapia Coletiva disse...

Querido nem tão Anônimo assim, esse é o ritmo de Macaé-fim-de-mundo-city. Nem todo estresse do mundo me fará acordar 6h da matina num dia normal de trabalho. Ah, e pra não perder o costume de pegar no seu pé, viagens se escreve com g. ;-]

Anônimo disse...

O acordar as 6h da matina para que as 7h estar no ambiente de trabalho é igual as 16h esta na praia, academia ou arrumando as malas para a proxima viagem.
A proposito, o comentario seu, anterior foi ingrato, visto o deslize gramatical foi um simples ato falho. rs

terapia coletiva disse...

Recomendamos www.dicionariohouaiss.com.br