quarta-feira, 5 de setembro de 2007

No meio de uma semana tumultuada de trabalho, antes que eu me torne um Jason Bourne, vamos de poesia pra aplacar os ânimos. Fernando Pessoa me acalma:

Segue o teu destino
Rega as tuas plantas
Ama as tuas rosas
O resto é a sombra de árvores alheias
A realidade sempre é mais ou menos
O que nós queremos
Só nós somos sempre iguais a nós mesmos (...)

6 comentários:

Anônimo disse...

Adorei esse poema, muito legal, acara da vida, é estranho saber que tem pessoas que gostam de viver uma fantasia!!

Anônimo disse...

Fernando Pessoa!!!!!!!!!!!!

Que fofis!!!!!!!!!!!!!!!

Lucas Nagle

Camila disse...

Obrigada pelo link, mas a que devo a honra?

Renata disse...

Camiletes, vc tá falando do link do show do Flavio Venturini? Sou loira, me ajuda..rs.

Anônimo disse...

Não fui eu quem postei como "camila". E tb não faço idéia do assunto.
bjs
Magali

Terapia Coletiva disse...

Ixi, Magali, então não faço a menor idéia de quem seja.