segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Deus é Química
Com tanta chuva em Vitória, o aeroporto ficou fechado por vários dias, impedindo a vinda dos meus pais, irmão e cunhada. Dentro da programação familiar, estava a ida ao teatro para assistir Deus é Química. Fomos mais cedo para o shopping da Gávea, vender os tickets que sobraram (muito fácil, porque o espetáculo lotou no dia anterior), certos de que a peça seria maravilhosa. Afinal de contas, o que poderia acontecer de errado com tantos talentos no mesmo palco? Que decepção! Para não perder tempo falando mal de Deus é Química (a peça nem vale isso, de tão ruim que é o texto, sem pé nem cabeça), aproveito a crítica da Bárbara Heliodora (O Globo, 24/08/09), que não deixou barato, pra variar. Que dinheiro mal empregado! Boa semana.

4 comentários:

Sergião disse...

Muuuuuuuuito obrigado pela lembrança e comentário :))

parabéns recebidíssimo!!

beijoca,

Sergião

Na Estrada... disse...

Qual seria o pedido?

Terapia disse...

Se eu contar o pedido, corre o risco dele não se realizar?

Na Estrada... disse...

Não sei, mas seja o que for, espero que se realize, já que você desejou.